Logotipo da UFF

Cultura

Waleska Beltrami, trompista da Sinfônica Nacional, convida Tiago Teixeira, nosso clarinetista, para uma conversa sobre sua carreira, suas pesquisas e projetos.

Em tempos de pandemia, a Orquestra Sinfônica Nacional fez das redes sociais seu palco, proporcionando ao público uma programação diversificada, voltada para a difusão de seu trabalho artístico, um diferencial no cenário da música de concerto.

Publicado em 27/07/2021

Na sessão de encerramento do Ciclo Cinematográfico Metamorfoses da Rua assistiremos Carioca era um rio, de Simplício Neto. O filme nos levará para a origem dos processos de metamorfoses. Vamos retomar a história do Rio Carioca e como o curso dele acompanhou a formação de uma cidade e de um povo, confrontando a água com o asfalto, a natureza e a urbanidade.

Publicado em 23/07/2021

A OSN de mãe para filha: Odette e Andrea Ernest Dias

Nesse episódio, Raul d’Oliveira recebe duas estrelas da OSN de uma só vez. Odette e Andrea Ernest Dias, mãe e filha, mestras da flauta brasileira, unidas pelo amor à música e à Sinfônica Nacional. Odette fala sobre a época da Rádio MEC e a alegria pulsante da OSN enquanto Andrea se aprofunda nos tempos da UFF e nos desafios da moderna autogestão artística da orquestra em seu compromisso permanente com a música brasileira.

 

Publicado em 21/07/2021

Metamorfoses da rua – 4ª sessão: Reencantamento da rua

A quarta sessão do Ciclo de Cinema “Metamorfoses da rua” trará as mulheres e a rua. São três histórias sobre sonhos, festas, homenagens, lutas. O reencantamento com o espaço e a possibilidade de ocupar a rua, o lugar público e o sonho de urbanidade democrática.  

Irão compor o eixo Reencantamento da rua: Em paz, de Clara Linhart; Tia Ciata, de Mariana Campos e Raquel Beatriz; A dama do Estácio, de Eduardo Ades.

Publicado em 19/07/2021

Comemorando os 60 anos de existência da Orquestra Sinfônica Nacional, o contrabaixista e pesquisador Raul d’Oliveira apresenta a história da orquestra através de conversas com músicos, maestros e compositores que fizeram e fazem da OSN um verdadeiro patrimônio cultural brasileiro.

No dia 16/07 a OSN UFF lança o quarto episódio do podcast OSN 60 anos, a nossa orquestra! com a participação do contrabaixista, professor e luthier Sandrino Santoro.

Publicado em 13/07/2021

Exibição de um curta-metragem e um longa-metragem.

A terceira sessão do Ciclo de Cinema “Metamorfoses da rua” irá compor o eixo “A Rua Suprimida”. São obras que representam a negação do espaço público, as ações violentas do Estado com políticas de remoção e reformas urbanísticas.

Publicado em 09/07/2021

A primeira sessão do Ciclo de Cinema “Metamorfoses da rua” apresentará ao público 3 curtas-metragens inspirados em contos de João do Rio. A primeira sessão, a Rua encenada, trará o olhar de alguns realizadores sobre textos do homenageado e um bate papo sobre a adaptação literária para o audiovisual e o impacto da (re)descoberta de João do Rio. 

Publicado em 28/06/2021

Ep. 03. A vez dos músicos: Lulu Pereira e a Revolução de 2009

Condução do podcast: Raul D’Oliveira, contrabaixista da OSN UFF
Convidado: Lulu Pereira, trombonista

Publicado em 23/06/2021

O Projeto Trote Cultural UFF, que este ano comemora 20 anos, e é coordenado pela PROGRAD, vai promover a aproximação e integração dos ingressantes ao ambiente universitário em uma live que vai ao ar no dia 24 deste mês.

O evento oficial de recepção promete apresentar aos novos estudantes a UFF em seus diferentes cenários e frentes de atuação e lançar a nova edição do guia do estudante.

Publicado em 18/06/2021

Cine Debate – Sessão Extra em parceria com a ReMA
Lembro mais dos corvos

Publicado em 10/06/2021

Waleska Beltrami, trompetista da Sinfônica Nacional, convida Taís Soares, nossa violinista, para uma conversa sobre sua carreira e suas pesquisas e projetos.

Publicado em 07/06/2021

Ep. 02. Nas ondas do Rádio: Edino Krieger e o nascimento da OSN
Condução do podcast: Raul D’Oliveira, contrabaixista da OSN UFF

Publicado em 07/06/2021

CORA DO RIO VERMELHO é o primeiro trabalho solo da atriz Raquel Penner, que idealizou o espetáculo a partir da pesquisa e do mergulho na obra e na vida da poetisa, contista e doceira goiana, Cora Coralina.

Publicado em 02/06/2021

O Centro de Artes da UFF recebe, no mês de junho, a itinerância do 1º Festival Brasileiro de Cinema Cômico, realizado pela Ritornelo, através da Lei Aldir Blanc via Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Governo do Estado do Rio de Janeiro e da Secretaria Especial da Cultura do Ministério do Turismo do Governo Federal. 

Publicado em 30/05/2021

Ciclo Cinema-provocação

Ato ou efeito de desafiar, incitar algo ou alguém para o combate, para a luta. O ciclo cinematográfico de maio traz no cerne a provocação. A curadoria, composta por filmes brasileiros independentes da última década, selecionou obras atravessadas pela ação: experimentação, reivindicação, reflexão, politização, afetação.

Publicado em 21/05/2021

Ciclo “Cinema-provocAção”

Ato ou efeito de desafiar, incitar algo ou alguém para o combate, para a luta. O ciclo cinematográfico de maio traz no cerne a provocação. A curadoria, composta por filmes brasileiros independentes da última década, selecionou obras atravessadas pela ação: experimentação, reivindicação, reflexão, politização, afetação.

Publicado em 17/05/2021

O projeto Brasil: a Margem em seu Ciclo Cinema-ProvocAção em parceria com O 1º Festival de Cinema Brasileiro Fantástico Online receberá a sessão especial do curta-metragem Os últimos românticos do mundo, de Henrique Arruda, uma história de amor queer, que propõe uma nova relação com o futuro diante do caos atual, da eminência do apocalipse. Um romance que subverte as convenções sociais em uma obra repleta de ousadias estéticas, que mostra coragem de criação e provoca o espectador.

Publicado em 13/05/2021

O projeto Brasil: a Margem no Ciclo Cinema-ProcAção receberá a Masterclass “Entre horrores e maravilhas: duas tendências do cinema brasileiro fantástico contemporâneo” ministrada pelo pesquisador e curador Fabrício Brasílio, em parceria com o 1º Festival de Cinema Brasileiro Fantástico.

Publicado em 13/05/2021

Bate papo aberto ao público com o diretor Luiz Antonio Pilar.

O diretor irá conversar com o público sobre o processo de pesquisa e produção da obra “Lima Barreto, ao terceiro dia” para o cinema. O uso da obra do autor, as referências estéticas e narrativas utilizadas no filme que ainda será lançado.

Publicado em 11/05/2021

Ciclo “Cinema-provocAção”

Ato ou efeito de desafiar, incitar algo ou alguém para o combate, para a luta. O ciclo cinematográfico de maio traz no cerne a provocação. A curadoria, composta por filmes brasileiros independentes da última década, selecionou obras atravessadas pela ação: experimentação, reivindicação, reflexão, politização, afetação.

Publicado em 07/05/2021

Com o intuito de apresentar ao público as novas integrantes do Grupo, o Música Antiga da UFF traça um breve histórico de sua trajetória e sobre a formação anterior, passando pelo processo de realização do primeiro concurso para o grupo e quais músicos foram aprovados para as novas vagas, garantindo uma no formação oficial, com voz, alaudista e viola gambista. Cada uma novas musicistas traz um panorama de sua trajetória artística através de iconografias pessoais e trechos de concertos.

Publicado em 06/05/2021

Seguindo nossos objetivos e valores de valorizar a arte, cultura e a saúde mental, nós do Ame-se também teremos uma incrível exposição de 17 fotografias autorretrato, com relatos de artistas contando seu processo de escritas de si e fotografias da incrível artista internacional Fares Micue, que estarão disponíveis no site do Centro de Artes UFF.

A ideia é permitir que as pessoas produzam sentimentos de amor-próprio e motivação, se sentindo inspiradas para produzir as suas próprias escritas de si, independente do formato.

Publicado em 05/05/2021

Ciclo Cinema-provocação

1º Sessão - o cinema que se reinventa 

Publicado em 30/04/2021

Em tempos de pandemia a Orquestra Sinfônica Nacional fez das redes sociais seu palco, proporcionando ao público uma programação diversificada, voltada para a difusão de seu trabalho artístico, um diferencial no cenário da música de concerto.

Publicado em 22/04/2021

O processo crescente de destruição da natureza e dos conflitos por terra no Brasil nos obriga a refletir sobre a profunda relação entre as matas e florestas brasileiras e os povos indígenas.

Recentemente, a evidência de que são os diversos povos indígenas os responsáveis por evitar de maneira mais efetiva o desmatamento das florestas da América Latina e Caribe nos últimos anos foi constatada no novo relatório da ONU, e se soma aos alertas da premência do problema que esses povos enfrentam com a ameaça ao direito a seus territórios no país. 

Publicado em 08/04/2021

Ciclo Nativas Narrativas

No contexto atual  tem se ampliado o interesse em nos voltarmos para as perspectivas e saberes dos povos nativos, embora de maneira tardia e mais lenta que o necessário, como que em busca de traçar outros caminhos frente à crise na qual a chamada “civilização” se encontra imersa. O cinema realizado pelos povos indígenas, há pelo menos três décadas, segue transformando as telas em janelas para outros mundos possíveis.

Publicado em 22/03/2021

Contemplado no edital de Retomada Cultural, do Edital de Chamada Emergencial Aldir Blanc da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado do Rio de Janeiro, o espetáculo Eu, Moby Dick se prepara para uma nova viagem. Sob direção de Renato Rocha, a montagem criada a partir da dramaturgia de Pedro Kosovski, sobre a obra-prima de Herman Melville, fica em cartaz gratuitamente de 19 de março a 04 de abril no canal do YouTube do Centro de Artes da UFF.      

Publicado em 11/03/2021

“FEIO in loco” é uma experiência teatral online, baseada na fábula “O Patinho Feio”, de H. C. Andersen. Feio é um pato que vive em uma granja industrial onde a produção de vida é controlada antes mesmo do nascimento até o último estágio do abate. Eles são parte de um processo industrial, filhos da máquina e do capital. Mas, e quando a natureza surpreende o controle biotecnológico e os avanços da engenharia genética? Até onde a natureza pode ser modificada tendo como finalidade o aumento do desempenho e do lucro? Até onde o ser humano é capaz de controlar a natureza?

Publicado em 01/03/2021

O mundo do trabalho passa nas últimas décadas por profundas transformações, resultando em uma crescente precarização estrutural do trabalho em escala mundial. Os trabalhos estão cada vez menos estáveis e formais, e cada vez mais precarizados e desregulamentados. No entanto, embora sejam fenômenos globais, atingem de formas diferentes o Norte e o Sul, homens e mulheres, pessoas brancas, negras e indígenas – como ocorre com todos os fenômenos sociais.

Publicado em 01/03/2021

O Projeto Trote Cultural UFF, que este ano comemora 20 anos, e é coordenado pela PROGRAD, já começou a mobilizar estudantes veteranos para promover a aproximação e integração dos ingressantes ao ambiente universitário. O evento oficial de recepção promete apresentar aos novos estudantes a UFF em seus diferentes cenários e frentes de atuação, lançar a nova edição do guia do estudante e divulgar as atividades que farão parte do Trote Cultural de 2020.2.

Publicado em 24/02/2021

Com direção musical de Nilze Carvalho, a 2ª edição do “Festival Samba na Universidade” está marcada para os dias 22, 23, e 24 de fevereiro, sempre às 19h, e será transmitida pelos canais no YouTube do Centro de Artes UFF, da TV PUC RJ e do próprio Festival. Além de Nilze, cantora e instrumentista, a programação do evento traz Tia Surica, Áurea Martins, João Cavalcanti, Moacyr Luz e Moyseis Marques.

Publicado em 11/02/2021

Nossa Bandeira Jamais Será Vermelha, Brasil, 2019, 72`, Livre
De Pablo Guelli

Filme denuncia concentração de mídia no Brasil

"A nossa bandeira jamais será vermelha" mostra que a escalada do país rumo ao fascismo ocorreu a partir do colapso do sistema de informações brasileiro.

O filme mostra a luta dos jornalistas independentes no Brasil para romper o embargo informativo imposto pelas 6 famílias que dominam o sistema de informação do país.

Publicado em 05/02/2021

Subterrânea, Brasil,  2020, Ficção, COR, 83´, 14 anos
De Pedro Urano
Roteiro de João Paulo Cuenca
Com Silvana Stein, Negro Leo, Clara Choveaux, Helena Ignez, Cabelo Cobra Coral e Alexandre Dacosta

Sub
Sub solo
Sub terra
Sub mundo
Sub desenvolvido
Sub América
Sub verter
Sub liminar
Sub alterno
Sub mergir pelas matas ou nas ondas do mar
Sub way
(depois de H.O.)

Publicado em 01/02/2021

Curta metragem Tailor + Longa-metragem Fabiana seguidos de debate com membros da equipe dos filmes.

Tailor, Brasil, 2017, COR, 9'47''
De Calí dos Anjos
Com Orlando Tailor, Tertuliana Lustosa, Bernardo Gomes, Miro Spinelli

Tailor é um cartunista transgênero que compartilha em sua página na internet experiências de outras pessoas trans e seus desafios dentro da sociedade. Um documentário animado sobre pessoas trans, feito por pessoas trans.

Publicado em 22/01/2021

A famosa invasão dos ursos na Sicília, Animação, França/Itália, 2019, livre, 82´
De Lorenzo Mattotti

Tudo começa quando, Tonio, o filho do rei dos ursos, é capturado por caçadores nas montanhas da Sicília… Alegando o rigor de um inverno que ameaça matar de fome o seu povo, o rei decide então invadir a planície habitada pelos homens. Com ajuda de seu exército e de um mágico, ele consegue obter a vitória e acaba por reencontrar Tonio. Porém logo chega à conclusão de que o povo dos ursos não foi feito para viver no país dos homens…

Publicado em 15/01/2021

Neste dia 12 de janeiro de 2021 se iniciam as comemorações dos 60 anos da Orquestra Sinfônica Nacional, pouco mais de vinte dias da celebração dos sessenta anos da própria Universidade Federal Fluminense, ocorrida em 18 de dezembro de 2020.

Publicado em 08/01/2021

Mostra de filmes produzidos ao longo dos anos pela Universidade Federal Fluminense. Foram escolhidas obras cinematográficas representantes de cada década de produção da UFF, que contaram com a participação de técnicos, professores e alunos da Universidade, e que marcaram suas gerações. Após a exibição dos filmes haverá debate com os realizadores.

Curadoria de Tetê Mattos e Paulo Máttar.

Filmes que serão exibidos:

Publicado em 15/12/2020

A Orquestra Sinfônica Nacional homenageia os 60 anos da Universidade Federal Fluminense com a apresentação da obra Série Brasileira, de Alberto Nepomuceno (1864 - 1920). Com produção musical do final do século XIX, o compositor ajudou a formar as bases de uma arte nacional, voltando-se para os temas do folclore e para as sonoridades da sua terra.

Publicado em 01/12/2020

O vídeo será projetado na fachada da Reitoria. O projeto foi realizado por professores do Instituto de Artes e Comunicação Social.

Publicado em 01/12/2020

Para celebrar os 60 anos de existência e resistência da UFF, o Centro de Artes convidou vários artistas, músicos e intérpretes em sua maioria, para participarem de uma apresentação online no dia 15 de dezembro, a partir das 19h. Soraya Ravenle, Mona Vilardo, Clara Santhana, Marcelo Caldi e Fred Martins, entre outras atrações, farão parte dessa comemoração, que ainda conta com a participação de músicos da OSN, do Quarteto de Cordas da UFF e do Conjunto Música Antiga da UFF. Um grande show em torno dos 60 anos de nossa universidade.

Publicado em 30/11/2020

ÉRAMOS EM BANDO, Brasil, 2020, 54´, 12 anos
De Marcelo Castro, Pablo Lobato e Vinícius de Souza
Com Antonio Edson, Eduardo Moreira, Inês Peixoto, Julio Maciel, Lydia Del Picchia, Paulo André e Teuda Bara, Marcelo Castro, Vinícius de Souza, Gilma Oliveira e Davi Fonseca

O filme acompanha o Grupo Galpão durante um período de isolamento social. Impedidos de estrear no teatro a 25a montagem da companhia, devido a uma pandemia mundial, as atrizes e atores se encontram durante dez dias para uma primeira experiência artística no ambiente virtual.

Publicado em 27/11/2020

GERAL, de Anna Azevedo
[RJ, 15 minutos. 35mm, Dolby, 2010]

A performance dos geraldinos nas últimas 5 partidas anteriores ao fim da Geral do Maracanã.

 

Publicado em 23/11/2020

Integrado às ações referentes ao Mês da Consciência Negra, o debate on-line Teatro e consciência negra, é organizado e promovido pelo Centro de Artes UFF, que convidou três importantes representantes da militância negra teatral da atualidade, principalmente no Rio de Janeiro. São eles, Tatiana Henrique, Rodrigo França e Henrique Vieira (currículos abaixo), que serão mediados por Robson Leitão, diretor do Teatro da UFF.

 

Publicado em 13/11/2020

CAVALO, Experimental, Brasil, 85min, 2020, 12 anos
De Rafhael Barbosa e Werner Salles

Envolvidos num processo artístico, sete jovens dançarinos são provocados a um mergulho em suas ancestralidades.

Primeiro longa-metragem fomentado por um edital público em Alagoas, “Cavalo” representa um marco para a política cultural do estado.

Sessão seguida de debate com elenco do filme.

Publicado em 13/11/2020

Esta Série de LIVES tem como proposta inicial apresentar ao público um pouco mais sobre os músicos da OSN, suas pesquisas e evidenciar sua relação acadêmica e institucional com a Universidade Federal Fluminense.

Publicado em 13/11/2020

SUPER ORQUESTRA ARCOVERDENSE DE RITMOS AMERICANOS, Documentário, Brasil, 77min, 2016, livre
De Sergio Oliveira

Publicado em 06/11/2020

No dia 13 de novembro, sexta-feira às 16h, os violinistas Tomaz Soares e Ubiratã Rodrigues, membros do Quarteto de Cordas da UFF, estarão juntos em uma Live que celebrará os 250 anos de nascimento de Ludwig van Beethoven. Os dois músicos prepararam um guia apreciativo sobre as obras do mestre de Bonn compostas para quartetos de cordas. Desde a publicação do Op. 18, encomenda do príncipe Lobkowitz até a instável relação do compositor com o violinista Ignaz Schuppanzigh.

Publicado em 03/11/2020

A RAINHA NZINGA CHEGOU, Documentário, Brasil/Angola, 74min, 2019, 10 anos
De Júnia Torres e Isabel Casimira

Antigos reinos, com suas coroas, séquitos e guardas, seus cosmos singulares, (re) existem hoje nas terras alhures das minas gerais. Três gerações de rainhas e uma travessia de volta, em visita aos domínios da mítica rainha Nzinga, e às terras dos reis do Congo, Angola, pelos descendentes da eterna Rainha da Guarda de Moçambique e Congo Treze de Maio, Isabel Casimira, presença central deste filme.

Publicado em 30/10/2020

O DESMONTE DO MONTE, Documentário, Brasil, 85min, 2017, livre
De Sinai Sganzerla

Publicado em 28/10/2020

Notícias do fim do mundo, Brasil, COR, ficção, 2018, 14 anos, 70´
De Rosemberg Cariry

O ator Alexandre Taylor trabalha coordenando um grupo de dança dramática popular, na periferia da capital Kibuna. O grupo é convidado pelo governador para fazer uma apresentação em uma festa oferecida ao embaixador de um país rico. Alexandre Taylor enxerga no convite o momento propício para o último e grandioso ato da sua vida, com consequências inesperadas, ao assumir o nome de Mestre Jacaúna.

Publicado em 19/10/2020

Páginas

Subscrever Cultura