Apresentação

Do latim commemoratione, o ato ou efeito de comemorar implica em fazer recordar, lembrar, solenizar, festejar, celebrar, e finalmente, trazer à memória, publicamente, acontecimentos passados.

O ato de comemorar pode ser entendido, então, como um trabalho de (re)construção da memória, percebida como um fenômeno social, construído coletivamente e sujeito a constantes recriações e manipulações.

Assim, as situações comemorativas constituem-se em oportunidades especiais para a apreensão das articulações entre os diferentes tempos — passado, presente e futuro — conferindo sentido à continuidade da trajetória institucional.

A celebração do Jubileu de Ouro da UFF ultrapassa, portanto, as festividades, para constituir-se em um momento privilegiado de reflexão sobre sua própria continuidade.