zika

 

Em 2015 mais de 2 mil casos de microcefalia em recém-nascidos foram identificados em diversas regiões do país, principalmente no Nordeste, após um pico epidêmico do Zika Vírus no início daquele ano. Em função dos impactos devastadores causados nas famílias e nas crianças, no entanto, assim como da proporção com que o fenômeno mobilizou a saúde pública nacional e internacionalmente, ele permanece ainda como um desafio presente. Passados quatro anos, o tema continua sendo investigado por muitas organizações de saúde e pesquisa científica do país e fora dele.

Convidamos para as duas palestras na UFF do Professor Paul Dyson, Swansea University - Wales - UK

O professor Dyson trabalha em pesquisas de ponta, tendo concedido diversas entrevistas na BBC News sobre suas linhas de pesquisa envolvendo Câncer, Zika, Bactérias e Fungos. Ele participa do Programa de Pós-Graduação em Ciências e Biotecnologia da UFF, orientando alunos em um programa de coorperação internacional financiado pela CAPES e com apoio da Proppi e do DRI.

As palestras possuem o mesmo título, mas terão abordagens diferentes para oportunizar o acesso de todos.

Word DocumentXLSCSV
Subscrever zika