Eu sou: Técnico | Docente | Estudante

etnografia

Universo das saunas de prostituição masculina é tema de lançamento da Eduff

Quando: 
sexta-feira, 6 Outubro, 2017 - 19:00 até 21:00

Baseado no estudo etnográfico minucioso que realizou em saunas de prostituição masculina na cidade do Rio de Janeiro, o antropólogo Victor Barreto lança o livro “Vamos fazer uma sacanagem gostosa?”, no dia 6 de outubro, na Livraria da Travessa de Botafogo.

No livro, o autor relata não apenas os meandros do mundo dos negócios da prostituição no Rio de Janeiro, mas traz para o leitor uma percepção da forma como as sexualidades e os desejos estão articulados nas saunas cariocas.

Livro desnuda universo das saunas de prostituição masculina no Rio

Baseado no estudo etnográfico minucioso que realizou em saunas de prostituição masculina na cidade do Rio de Janeiro, o antropólogo Victor Barreto lança o livro “Vamos fazer uma sacanagem gostosa?” (Eduff, 2017). Nele, o autor trata do universo do mercado do sexo e suas peculiaridades, com relatos que vão desde a ambientação do local até a forma como os programas são negociados entre cliente e garotos de programa.

Flavia Medeiros lança livro sobre IML do Rio pela Eduff

Quando: 
terça-feira, 7 Março, 2017 - 17:00 até 20:00

A rotina e os meandros do funcionamento do Instituto Médico Legal Afrânio Peixoto (IMLAP), no Rio de Janeiro, é objeto de um estudo etnogáfico minucioso feito pela antropóloga Flavia Medeiros e recém-publicado pela Eduff no livro “Matar o morto”, que será lançado em 7 de março, às 17h, na Livraria da Travessa, no Centro do Rio de Janeiro (Rua 7 de Setembro, 54).

Livro de professora da UFF analisa relação entre religiosidade e tráfico

Christina Vital

Anos de estudo de campo em favelas e periferias do Rio de Janeiro levaram a professora da UFF Christina Vital a concluir que a ascensão das igrejas pentecostais reconfigurou a relação entre religião e tráfico. As pesquisas realizadas no complexo de favelas de Acari, entre 1996 e 2009, e no morro Dona Marta, de 2005 a 2009, sinalizaram o crescimento do que a pesquisadora chama de “gramática pentecostal” – visão de mundo baseada em crenças que afetam a economia, a política, a cultura, a sociabilidade e até mesmo a criminalidade nesses espaços.

IML ganha estudo etnográfico em novo livro da Eduff

A rotina e os meandros do funcionamento do Instituto Médico Legal Afrânio Peixoto (IMLAP), no Rio de Janeiro, é objeto de um estudo etnogáfico minucioso feito pela cientista social Flavia Medeiros e recém-publicado pela Eduff no livro “Matar o morto”.

Na obra, a autora relata como é desenvolvido um conjunto de procedimentos que tem por objetivo identificar o corpo e a causa de sua morte. Por meio de categorias médico-legais, é possível classificar o óbito e desta forma redefinir relações sociais que, em tese, seriam interrompidas pela morte.

Livro lança um olhar antropológico sobre as cerimônias de casamento

O universo das cerimônias de casamento e o trabalho dos cerimonialistas são objeto do estudo etnográfico que a antropóloga Cristina Marins apresenta no livro “Quando o céu é o limite”, lançado pela Editora da Universidade Federal Fluminense (Eduff, 2016).

Com base em entrevistas e na observação direta dos rituais de matrimônio, a autora analisa a forma como o casamento é hoje planejado, percebido e representado pelos atores sociais nele envolvidos.

I Jornada de Estudos sobre Etnografias da Linguagem

Quando: 
terça-feira, 20 Outubro, 2015 - 09:00 até quinta-feira, 22 Outubro, 2015 - 17:00

O Núcleo de Estudos Rurais da UFF - Campos (NuERs/COC) convida todos a participar da I Jornada de Estudos sobre Etnografias da Linguagem que, ao longo de três dias, reunirá antropólogos argentinos, ingleses, franceses e brasileiros de diferentes gerações, áreas e campos de pesquisas para discutir questões epistemológicas em torno da etnografia da linguagem. O evento pretende problematizar pressupostos epistemológicos, estéticos e políticos construídos pela oposição oral x escrito.

Subscrever RSS - etnografia