Responsabilidade e Compromisso com a Comunidade Universitária.

Print Friendly, PDF & Email

A reitoria da UFF tem papel responsável pela gestão de uma das maiores Universidades Públicas do País, num contexto político e econômico adverso.

Nossa Universidade conquistou êxitos acadêmicos importantes neste ano, como cinco Institutos Nacionais de Ciência e Tecnologia, o segundo maior índice estadual de sucesso em projetos no CNPq, e nada menos que o primeiro lugar em redução da evasão estudantil no estado, conforme dados do relatório do INEP de 2016.

Graças a uma gestão colegiada, transparente e eficiente, nossas contas foram renegociadas com fornecedores e construtoras. Os pagamentos das obras dos prédios dos Institutos de Química, Biologia, Geociências e de Ciências da Sociedade e Desenvolvimento Regional de Campos dos Goytacazes foram reiniciados. As obras dos Institutos de Computação e Biomédico já foram concluídas, as atividades do Centro de Artes foram retomadas e a UFF se apresenta mais uma vez como uma referência cultural em Niterói.

Em nossa luta pelo restabelecimento pleno do HUAP, está  tramitando no MEC o pedido de contratação imediata de 272 técnicos para o Hospital Universitário, com óbvio apoio do contrato de gestão compartilhada com a EBSERH e também da Ação Civil Pública que tramitou na 7ª Turma do Tribunal Regional Federal da 2ª Região.

Infelizmente, no entanto, o SINTUFF insiste em oferecer à Universidade panfletos com informações distorcidas e inverídicas.

A verdade, no entanto, é a seguinte:

• É notório que os Decretos nº 1.590/1995 e nº 1.867/1996 exigem, em todos os órgãos públicos federais, o cumprimento de 40 horas semanais e controle eletrônico de ponto; 
• É público que, desde 2012, o Ministério Público Federal (MPF) promoveu Ação Civil Pública contra a UFF exigindo o cumprimento destes decretos;
• Sucessivas administrações da UFF, inclusive esta, recorreram desta Ação, por intermédio da AGU, para contestar o MPF, buscando mecanismos para garantir uma política de jornada de trabalho adequada à UFF;
• Não temos notícia de que o SINTUFF tenha agido como interessado em nenhuma das ocasiões em que a AGU apresentou a defesa dos servidores da UFF;
• O SINTUFF mostra profundo desalinhamento com o interesse dos servidores, quando tenta impedir a busca por soluções efetivas que possam ser amparadas pela legislação vigente;
• A reitoria da UFF, ao contrário, promove Grupo de Trabalho para buscar soluções consensuadas de adequação da jornada de trabalho, para atender à legislação e conferir segurança jurídica a toda a comunidade, buscando levar em conta as especificidades de cada setor e os anseios da comunidade universitária.

A atitude do SINTUFF de desconhecer avanços, disseminar inverdades e tentar impor uma irresponsabilidade pública e institucional está na contramão da luta pelos interesses de nossa comunidade.

O esforço desta administração – comprometida em tratar de forma pública e honesta a gestão universitária – sempre será o de agir com respeito à legislação, e sua devida adequação à vida acadêmica em nossa Universidade.

Sidney Luiz de Matos Mello – Reitor
Antonio Claudio Lucas da Nóbrega – Vice-Reitor

Para saber mais sobre este informativo

Estes são os dados de contato do setor da universidade que escreveu este informativo:

Setor responsável: 
Telefone: 
21 2629 5205
Grande área: 

Avalie esta página

CAPTCHA
This question is for testing whether or not you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.