Projeto inédito de professoras e alunas de Enfermagem do Campus UFF de Rio das Ostras tira dúvidas sobre covid-19

Print Friendly, PDF & Email

O que você acha da criação de um dispositivo rápido e acessível que possa tirar várias dúvidas sobre a Covid-19? Foi pensando nesta possibilidade que professoras e alunas do Departamento de Enfermagem do Campus UFF de Rio das Ostras, (Curo) elaboraram um projeto inédito  que poderá  validar e disponibilizar um aplicativo móvel para smartphone para uso da população brasileira.

Segundo a professora Aline Cerqueira, a ideia do projeto surgiu em função da relevante situação epidemiológica e do risco potencial de propagação do novo coronavírus no país, onde se faz necessária a criação de estratégias para prevenção e controle da COVID-19. Onde a criação de um aplicativo móvel, como ferramenta educacional no âmbito da saúde, se apresenta com grande propósito, por entregar informações/orientações de saúde com mais agilidade e precisão.

“Para tal, o dispositivo é idealizado como uma tecnologia educacional facilitadora para a tomada de decisões de forma autônoma pela população brasileira no enfrentamento desse agravo, mediante a ampliação  do conhecimento de modo prático e acessível. Logo, o aplicativo móvel visa integrar de forma sinérgica o acesso em tempo real às informações fidedignas e atualizadas sobre a COVID-19 de forma segura e qualificada, além de ser uma atividade voluntária e interativa, com algum nível de envolvimento emocional, tornando-se assim, parte indissociável do cotidiano do usuário frente à necessidade de informação acerca da infecção causada pelo novo coronavírus, despontando como uma proposta diferenciada de acesso ao conhecimento de forma digital e autônoma”, ressaltou a pesquisadora.

Os idealizadores do projeto ressaltam que pretendem atingir toda a sociedade civil possibilitando o acesso as informações sobre prevenção e controle frente a COVID-19 através do aplicativo móvel com orientações de  educação em saúde junto à população para o esclarecimento de dúvidas de forma rápida e simplificada, através da adoção de linguagem coloquial para viabilizar sua implementação segura frente à emergência de saúde pública internacional relacionada ao SARS-CoV-2. 

“Pretende-se  com a criação do aplicativo, a minimização de agravos à população brasileira, já que os aplicativos móveis se mostram mais atrativos, dinâmicos, de fácil acesso e baixo custo, estimulando seu  uso e ao mesmo tempo facilitando o aprendizado em tempo real por se tratar de uma plataforma móvel no suporte educacional em saúde para a sociedade civil que pode ser acessada de qualquer lugar a qualquer hora, especialmente em períodos de isolamento social” enfatizou a discente  Michelly Crystinne Souza Bonifácio.

O projeto foi submetido a Plataforma Brasil no dia 15 de maio e encontra-se em recepção e validação documental.

Estão envolvidos  neste projeto as docentes do REN/Curo Aline Cerqueira S. Santana da Silva, Fernanda Garcia Bezerra Góes, Virgínia Maria de Azevedo Oliveira Knupp, Maithê de Carvalho e Lemos Goulart, Fernanda Maria Vieira Pereira Ávila, e as discentes Michelly Crystinne Souza Bonifácio e Yasminn  Canella Cabral Banjar Coellho, além das docentes Ana Cristina de Oliveira e Silva  da Universidade Federal da Paraíba e Marluci Andrade da Conceição Stipp da Universidade Federal do Rio de Janeiro .

Para saber mais sobre este informativo

Estes são os dados de contato do setor da universidade que escreveu este informativo:

Telefone: 
22 988260462

Avalie esta página

CAPTCHA
This question is for testing whether or not you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
A atualização mais recente deste conteúdo foi em 25/05/2020 - 15:47