Eu sou: Técnico | Docente | Estudante

UFF oferece mais de cinco mil vagas para o Sisu

Apesar da conjuntura atual do país, onde cortes orçamentários drásticos atingem diretamente as instituições federais de ensino superior, a UFF demonstra mais uma vez seu compromisso em manter o ritmo de crescimento e oferece 5.152 vagas no primeiro semestre do Sisu 2018 divididas entre 123 cursos. Dessas, serão 2.552 vagas para a ampla concorrência e 2.600 para cotas, em cumprimento da Lei 12.711/12. Para as pessoas com deficiência são reservadas 588 vagas. Além disso, através de um Edital Suplementar, 74 vagas estão sendo oferecidas para o curso de Arquitetura.

Vale ressaltar que o período de inscrições no Sisu termina nessa sexta-feira, 26 de janeiro, e os resultados serão divulgados na próxima segunda-feira, 29 de janeiro. Já o prazo para a matrícula da chamada regular vai de 30 de janeiro até 07 de fevereiro.

Atualmente, a Universidade Federal Fluminense tem 60.284 alunos matriculados, sendo 41.887 nos cursos presenciais, 18.169 no ensino à distância e 228 nos cursos sequenciais. Além da sede  em Niterói, a UFF mantém subsedes em outros oito municípios fluminenses: Volta Redonda, Macaé, Campos dos Goytacazes, Rio das Ostras, São Antônio de Pádua, Nova Friburgo, Petrópolis, Angra dos Reis, e um posto avançado em Oriximiná, no Pará. “A UFF consolida-se regionalmente em nove municípios do Estado, como uma universidade inclusiva e socialmente justa, tendo em vista que a atual gestão trabalha de forma incansável para ofertar serviços públicos eficientes, sustentáveis e com caráter inclusivo”, enfatiza o pró-reitor de graduação, José Rodrigues de Farias Filho.

Entre os indicadores de crescimento, destaca-se o aumento do número de alunos que ingressaram na instituição e concluíram o curso. Em 2017, a taxa foi de 46.62%, superior aos 38.44% registrados em 2016. “Garantir que os nossos universitários tenham condições de se formar é um desafio constante da atual gestão”, afirma o pró-reitor de assuntos estudantis, Leonardo Vargas.

Nesse sentido, com o intuito de assegurar que os estudantes ingressantes consigam permanecer e concluir sua formação acadêmica, a UFF concede 1.700 bolsas de assistência estudantil, além de promover diversas ações de apoio, como o restaurante universitário e as moradias estudantis de Niterói, com 298 vagas e de Rio das Ostras, com 48 vagas. “As bolsas atendem os estudantes regularmente matriculados em cursos de graduação presencial, prioritariamente oriundos da rede pública básica de educação ou com renda familiar per capita de até um salário mínimo e meio”, destaca Leonardo.

Para o vice-reitor, Antonio Claudio da Nóbrega, o crescimento da oferta de vagas e a preocupação integral com os alunos colocam a UFF em uma posição de destaque no cenário nacional como um importante centro de ensino, pesquisa e extensão do país. “Esses números consolidam nossa universidade como uma das maiores do Brasil e reafirmam sua responsabilidade com a transformação social através da educação e da produção do conhecimento”, conclui.

Tags: 
Público-alvo: