Logotipo da UFF

Início das obras da Moradia Estudantil em Angra dos Reis

Print Friendly, PDF & Email

Nesta quarta-feira, 4 de novembro, aconteceu a chamada ordem de início das obras de construção da Moradia Estudantil do Campus Retiro em Angra dos Reis. O projeto arquitetônico prevê uma intervenção de 2 mil m², que contempla edificações novas, reforma das instalações existentes e instalação de caminhos acessíveis. Ao todo, estão previstos três módulos, com lavanderia, cozinha, área social, sala de estudo, pátio e espaço para hortas.

A obra está orçada em R$ 1,5 milhões de reais e deve beneficiar 33 estudantes. O valor será custeado por emendas parlamentares e suplementação orçamentária da UFF. O prazo de execução previsto é de aproximadamente nove meses.

De acordo com o Reitor da UFF, Antonio Claudio Lucas da Nóbrega, o início das obras da moradia estudantil de Angra dos Reis é uma conquista histórica que cumpre uma série de compromissos. “O campus é muito bonito, com muita vegetação junto ao mar, mas carecia de uma infraestrutura com  segurança e conforto para os estudantes. É um compromisso de preservação ambiental, pois aquela é uma área de ampla vegetação nativa; e também de preservação histórica e cultural do casarão. Por fim, é um compromisso com parlamentares que direcionaram verbas para a obra por meio de emendas, com a direção de Angra dos Reis com toda a comunidade acadêmica”, afirma.

O Diretor da Unidade, Augusto César Gonçalves e Lima, lembrou que esta era uma reivindicação antiga do movimento estudantil e da comunidade universitária. “A moradia estudantil é fundamental para a permanência dos alunos, pois vários vêm de outros municípios e estados, muitos/as em situação de vulnerabilidade econômica. Estamos muito animados com o início das obras e consideramos uma grande conquista que fortalece a atuação institucional na região da Costa Verde”, contou.

O valor da construção da moradia estudantil foi estimado em R$ 1,5 milhões de reais. O recurso é proveniente de duas emendas parlamentares destinadas pelo deputado federal Luiz Sérgio, uma de R$ 300 mil e outra de R$500 mil reais, além de R$ 700 mil reais de dotação do orçamento da UFF. “As emendas foram fundamentais para nos permitir um horizonte de execução destas obras. O restante foi garantido com recursos mobilizados pela Reitoria. Agradecemos ao Reitor professor Antônio Cláudio da Nóbrega, pelo empenho nesta luta, assim como à PROAES, SAEP e SOMA por todo apoio neste processo”, disse o diretor da Unidade de Angra dos Reis.

A moradia estudantil do campus da UFF em Angra dos Reis atenderá 33 estudantes em condições de vulnerabilidade socioeconômica, incluindo estudantes com deficiência, e será efetivada pela reforma de duas edificações e a construção de uma terceira. A infraestrutura estará interligada ao campus de Jacuecanga por meio do transporte estudantil, que auxilia centenas de estudantes da UFF no município de Angra dos Reis. Durante o período de obras e reforma, os estudantes que residiam no espaço receberão um auxílio financeiro da Pró-Reitoria de Assistência Estudantil.

Público-alvo: 
Localidade: 

Compartilhe