Notícias e avisos mais recentes

Professora da UFF ganha prêmio internacional com pesquisa anti-tuberculose

Professora Vanessa do Nascimento (terceira à direita) e alunos participantes do projeto

O Relatório Mundial da Tuberculose 2018 divulgado pela Organização Mundial da Saúde (OMS) identificou poucas alternativas de tratamentos em potencial para infecções resistentes a antibióticos, sendo uma dessas ameaças a chamada tuberculose multidroga resistente (TB-MDR), que mata a cada ano mais de um milhão de pessoas. Grande parte dos medicamentos produzidos para o tratamento da tuberculose que se encontram em etapa de desenvolvimento são modificações de antibióticos já existentes, sendo assim, são meramente soluções a curto prazo.

UFF sedia reunião dos reitores da Direção Executiva da Andifes

No dia 04 de setembro, a diretoria executiva da Associação Nacional dos Dirigentes das Instituições Federais de Ensino Superior (Andifes) se reuniu na Universidade Federal Fluminense a convite do reitor Antonio Claudio Lucas da Nóbrega para discutir a conjuntura nacional e a estratégia pelo desbloqueio do orçamento das universidades federais para o restante do ano de 2019.

Quando a sociedade é quem anda doente: pesquisa na UFF investiga sofrimento psíquico em tempos de capitalismo selvagem

Há muitas maneiras de acessar um tempo passado ou presente na história da humanidade, com suas formas de existir, de organizar a vida e se relacionar. Uma das chaves para conhecer cada um desses períodos é através dos modos de sofrimento que se produziram nele. A anorexia, depressão e cutting, por exemplo, são os nomes com que identificamos algumas das dores psíquicas que temos vivido atualmente. Ao contrário do que se pode imaginar, elas têm características em comum e colocam em evidência o modo adoecido como temos nos relacionado em sociedade. 

Venha para o Brasil, escolha a UFF!

A Universidade Federal Fluminense, através da Superintendência de Relações Internacionais (SRI), inaugura hoje um portal que irá apresentar definitivamente a instituição ao resto do mundo. O espaço não servirá apenas como uma vitrine permanente para as ações desenvolvidas pela UFF, mas também será um espaço onde os princípios que norteiam a nossa universidade, como sustentabilidade, inclusão e internacionalização poderão ser conhecidos pela comunidade internacional.

UFF inaugura curso de idioma, história e cultura brasileiras para alunos estrangeiros

A UFF, através da Superintendência de Relações Internacionais (SRI), reuniu, entre 29 de julho e 9 de agosto, alunos de sete países diferentes na primeira edição do Brazil: Life and Culture, curso de férias oferecido para seus estudantes estrangeiros e que tem como principal objetivo ensinar não só o ensino da língua brasileira como promover a cultura nacional, nos seus mais diferentes aspectos.

Quando a clínica se transforma em camarim: projeto da UFF recupera saúde bucal e autoestima de mulheres com câncer

Num dos mais clássicos contos de fada da humanidade, chamado Cinderela, uma bela e maltrapilha jovem, que tinha a vida controlada pela madrasta, consegue escapar da prisão onde morava para ir ao encontro de um príncipe, em um baile, com a ajuda de sua fada madrinha. Não por acaso, esse é também o nome do projeto da Faculdade de Odontologia da UFF que acolhe mulheres com câncer para o tratamento de afecções bucais e resgate de sua autoestima.

O céu é o limite: equipe da UFF produz foguete e se prepara para competição internacional

Você já ouviu falar em foguetemodelismo? Desde junho de 2018, a UFF conta com uma equipe de alunos de diversos cursos que projeta e fabrica foguetes - desde a construção do esqueleto externo até a fabricação do combustível.

Parceria entre UFF e Prefeitura de Niterói ampliará acesso de deficientes auditivos às informações de saúde

Iniciativa visa aumentar a acessibilidade e visibilidade do deficiente auditivo nos espaços públicos de saúde.

Com foco na acessibilidade e inclusão, uma parceria entre a UFF e a Prefeitura Municipal de Niterói, através da Fundação Municipal de Saúde (FMS), possibilitará a inovação na criação e confecção dos produtos de divulgação do órgão. Desde 25 de julho, boa parte dos cartazes, folhetos, banners e cartilhas produzidos pelo setor de artes gráficas da FMS passaram a receber um QR Code, que ao ser carregado no smartphone de um usuário com deficiência auditiva, possibilitará a obtenção de outras informações sobre o assunto, além das inseridas no material gráfico.

Páginas

Latest NewsÚltimas notíciasQualidade: Top 10 - últimos 2 mesesRepresentatividade: Top 10 - últimos 2 mesesPolíticas da reitoria: Top 10 - últimos 2 mesesImpacto social: Top 10 - últimos 2 meses
Subscrever Latest News Subscrever Latest News