Instituto de Psicologia da UFF: Ações contra a Covid-19

Print Friendly, PDF & Email

 

1) PSICOLOGIA UFF NA COVID-19: Suporte Psicológico

     Um grupo de 15 professores do Departamento de Psicologia está oferecendo duas modalidades de suporte psicológico em parceria com a rede de saúde mental da prefeitura de Niterói.

    O que é suporte psicológico: caracteriza-se pelo acolhimento e escuta de situações, medos e angústias gerados pela experiência da quarentena e da pandemia da Covid-19.

 

Descrição:

 • Apoio a profissionais de saúde da rede pública hospitalar e da rede de atenção básica de Niterói encaminhados por coordenadores de serviço e pessoas de referência nas equipes de saúde.

• Apoio a moradores de comunidades de Niterói e São Gonçalo encaminhados por referências comunitárias.

• Roda de Conversa com articuladores, referências comunitárias, mediadores e pessoas das comunidades.

 

Maiores informações sobre este projeto: covid19.ipsi.uff@gmail.com

 

2) Rodas de Conversa na Covid 19 – Pessoas com deficiência

* Rodas de conversa virtuais abertas sobre o tema “Deficiência e Isolamento social: Questões e invenções em tempos de pandemia”.
  Aberta a pessoas com deficiência, servidores, alunos de graduação e pós-graduação da Uff e especialistas da área.

* Roda de conversa virtual direcionada aos alunos com deficiência da UFF e os apoiadores da inclusão.
  O objetivo é o de atingir o maior número possível de alunos com deficiência da UFF e o acolhimento de seu cotidiano na pandemia para ouvir suas angústias em relação à suspensão das aulas e ao isolamento social.

As ações das Rodas de Conversa são realizadas com as seguintes parcerias:  Comissão UFF Acessível,  DCE Fernando Santa Cruz, o Diretório Acadêmico de Psicologia/Niterói, Projeto de Pesquisa / Extensão Perceber sem Ver (Ipsi/UFF),  Coletivo de Alunas e Alunos com Deficiência (CAAD/UFF), Projeto Estudos do Bilinguismo: Libras e Língua Portuguesa para Surdos. O evento contou com os apoios do Setor de Apoio Educacional (SAE) do campus Aterrado Volta Redonda, da professora Beatriz Critelli, vinculada ao Departamento de Química do Instituto de Ciências Exatas (ICEX) e do intérprete de LIBRAS da UFRJ, Alex Sandro Lins.

* Oficinas Perceber sem Ver
  As oficinas Perceber sem Ver passaram a ser realizadas de forma virtual desde o dia 23 de abril, com periodicidade semanal. O grupo reúne pessoas cegas ou com baixa visão, vivendo em isolamento social.

Maiores informações sobre este projeto: uff.percebersemver@gmail.com
  mazamoraes@gmail.com

 

 

Para saber mais sobre este informativo

Estes são os dados de contato do setor da universidade que escreveu este informativo:

Setor responsável: 
Telefone: 
21996749944

Avalie esta página

CAPTCHA
This question is for testing whether or not you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
A atualização mais recente deste conteúdo foi em 28/05/2020 - 07:25