Cinema na UFF - Centro de Artes UFF

Subscrever feed Cinema na UFF - Centro de Artes UFF
Portal do Centro de Artes da Universidade Federal Fluminense
Atualizado: 7 horas 39 minutos atrás

A fera na selva

qua, 20/05/2020 - 11:05
A FERA NA SELVA, Brasil, 80′, 2019, 12 anos De Eliane Giardini, Paulo Betti e Lauro Escorel
Com Com Eliane Giardini, Paulo Betti, Cristina Labronicci, Juliana Betti.    João e Maria vivem uma vida inteira juntos. Ele é professor de português, ela de literatura inglesa. João é atormentado pela obsessão que uma coisa extraordinária vai acontecer em sua vida. Maria aceita esperar com ele A Fera na Selva, que um dia chegará avassaladora.   ACOMPANHE A TRANSMISSÃO NO FACEBOOK
Categorias: Centro de Artes UFF

RIFLE

qui, 14/05/2020 - 14:17
RIFLE, Brasil, 88 ‘, 2016, 12 anos De David Pretto
Com Dione Avila de Oliveira, Evaristo Goularte, Andressa Goularte, Elizabete Nogueira, Livia Goularte, Francisco Fabrício Dutra dos Santos e Sofia Ferreira.    Dione é um jovem misterioso que vive com uma família em uma região rural e remota. A tranquilidade da região é afetada quando um rico fazendeiro tenta comprar a pequena propriedade que Dione e a família vivem.  Prêmios de Melhor Filme (Júri da Crítica), Melhor Roteiro e Melhor Desenho de Som no 49º Festival de Brasília do Cinema Brasileiro.   ACOMPANHE A TRANSMISSÃO NO FACEBOOK
Categorias: Centro de Artes UFF

FOTOGRAFAÇÃO

qua, 06/05/2020 - 16:43
FOTOGRAFAÇÃO, Brasil, 2020, 76´, 10 anos De Lauro Escorel   “FOTOGRAFAÇÃO” é um documentário sobre momentos marcantes da História da Fotografia Brasileira, construído através do olhar de Lauro Escorel, atuante diretor de fotografia do cinema brasileiro. O filme focaliza a representação do País no trabalho de diversos fotógrafos e também reflete sobre o impacto da fotografia digital na sociedade contemporânea.     ACOMPANHE A TRANSMISSÃO NO FACEBOOK    
Categorias: Centro de Artes UFF

Jovens Infelizes ou um homem que grita não é um urso que dança

sab, 02/05/2020 - 16:21

Jovens Infelizes ou um homem que grita não é um urso que dança, Brasil, 2016, 127’
De Thiago B. Mendonça
Produção: Memória Viva

“Pra começar de novo é preciso destruir.”
Um grupo de artistas vive na fronteira entre arte e vida. Com teatro, música e performances em espaços públicos, eles tentam construir uma consciência revolucionária. Mas os horizontes rebaixados de uma sociedade cada vez mais autoritária os faz buscar um último grande ato estético. Feito com orçamento mínimo, o filme é uma metáfora da juventude contemporânea brasileira e seus horizontes políticos inspirado em ensaio de Pier Paolo Pasolini e pela poesia do revolucionário Aimé Cesaire.
Prêmio do Juro de Melhor Filme da Mostra Aurora – Mostra de Cinema de Tiradentes.

ACOMPANHE A TRANSMISSÃO NO FACEBOOK

Categorias: Centro de Artes UFF

Eu sou o Rio

qua, 22/04/2020 - 13:37

Eu sou o Rio, Brasil, 2017, 79’
De Anne Santos e Gabraz Sanna

A banda carioca Black Future foi um nome obscuro do rock brasileiro na década de 1980. Seu vocalista, Tantão, performer e pintor icônico do Rio, sempre foi considerado uma figura maldita na cena. O filme acompanha sua vida errante pelos becos da cidade enquanto a banda prepara sua volta aos palcos. Seleção Forum Sxpanded – 68º Berlinale – Berlim.

—————————————-

Gabraz Sanna

Gabraz Sanna, nasceu em 1981 no Rio de Janeiro, Brasil, é artista visual e cineasta. Fez seu primeiro filme O Estrangeiro em 2004, seguido de dois trabalhos experimentais como co-diretor sobre os escritores contemporâneos Manoel de Barros e Maria Gabriela Llansol. Dirigiu cerca de 15 filmes e trabalhou em outros projetos por vezes acumulando funções de diretor, fotógrafo e editor. Também atua como curador.

Anne Santos

Anne Santos é técnica de som, produtora e cineasta de Duque de Caxias, RJ, Brasil. Trabalhou em dezenas de filmes e documentários para TV antes de dirigir seu primeiro filme, Oceanne, co-dirigido com Gabraz. Eu sou o Rio é seu primeiro longa-metragem como diretora.

ACOMPANHE A TRANSMISSÃO NO FACEBOOK

Categorias: Centro de Artes UFF

OS MISERÁVEIS

seg, 09/03/2020 - 19:41

Les misérables, França, 2019, 102’, 14 anos
De Ladj Ly
Com Damien Bonnard, Alexis Manenti, Djibril Zonga

Stéphane é um jovem que acaba de se mudar para Montfermeil e se junta ao esquadrão anti-crime da comuna. Colocado no mesmo time de Chris e Gwada, dois homens de métodos pouco convencionais, ele logo se vê envolvido na tensão entre as diferentes gangues do local. Prêmio do Júri no Festival de Cannes 2019, e Melhor Filme, Montagem, Ator Revelação (Alexis Manenti) e Prêmio do Público nos prêmios César 2020.

Categorias: Centro de Artes UFF

JOJO RABBIT

seg, 09/03/2020 - 19:36

Jojo Rabbit, Nova Zelândia/EUA/Rep. Checa, 2019, 108’, 12 anos
De Taika Waititi
Com Roman Griffin Davis, Taika Waititi, Scarlett Johansson, Thomasin McKenzie

Alemanha, durante a Segunda Guerra Mundial. Jojo é um jovem nazista de 10 anos, que tem como amigo imaginário Adolf Hitler. Seu maior sonho é participar da Juventude Hitlerista, um grupo pró-nazista composto por outras pessoas que concordam com os seus ideais. Mas surpresas envolvendo sua mãe vão mudar a visão de Jojo sobre a realidade que o cerca. Prêmio do Público no Festival de Toronto 2019, Oscar e BAFTA de Melhor Roteiro Adaptado, além de outros trinta prêmios.

Categorias: Centro de Artes UFF

DISFORIA

seg, 09/03/2020 - 19:31

Brasil, 2020, 97’, 14 anos
De Lucas Cassales
Com Rafael Sieg, Isabella Lima, Vinícius Ferreira, Juliana Wolkmer

Dário sofre pela dificuldade em se recuperar de um acontecimento assustador de seu passado. Ao se aproximar da menina Sofia, são despertadas memórias de um trauma. Atormentado, ele precisa encarar o passado e o mistério envolvendo a família de Sofia. Primeiro longa do premiado diretor Lucas Cassales, do curta O corpo (Melhor Filme no Festival de Gramado 2015).

Categorias: Centro de Artes UFF

LIBERTÉ

seg, 09/03/2020 - 18:48

Liberté, França/Por/Esp/Ale, 2019, 132’, 18 anos
De Albert Serra
Com Helmut Berger, Marc Susini, Baptiste Pinteaux, Iliana Zabeth

Em algum lugar entre Potsdam e Berlim, em 1774, pouco antes da Revolução Francesa, Madame de Dumeval, Duque de Tesis e Duque de Wand, libertinos expulsos da puritana corte de Luís XVI, pedem apoio ao lendário e sedutor Duque de Walchen, livre-pensador alemão, que vive solitário num país onde reinam a falsa virtude e a hipocrisia. A missão deles é exportar a libertinagem, filosofia do século das Luzes baseada na rejeição aos limites morais e às autoridades, mas, além disso, precisam encontrar um lugar seguro para realizarem seus jogos libertinos, nos quais a busca por prazer obedece apenas às leis ditadas pelos desejos não realizados. Prêmio Especial do Júri na Mostra Um Certo Olhar, Cannes 2019.

Categorias: Centro de Artes UFF

Mulheres na Ciência da UFF

sex, 06/03/2020 - 09:30

Evento em Celebração ao Dia Internacional das Mulheres
O Grupo de Trabalho “Mulheres na Ciência da UFF“, em parceria com o Centro de Artes UFF, convida a todas e todos para a exibição dos documentários Fator F e Potência N, produzidos pela Gênero e Número. Após a sessão, haverá um debate sobre as temáticas da maternidade, raça, etnia e ciência.

No documentário Fator F, pesquisadoras que se tornaram mães expõem o impacto causado pela sobrecarga no cuidado com os filhos e a falta de políticas institucionais que considerem a maternidade. Já em Potência N, relatos de acadêmicas negras do campo da Matemática e dados sobre subrepresentatividade revelam como o racismo e o machismo institucionais impõem barreiras à carreira das pesquisadoras.  

Cine Arte UFF
14h – Mesa de Abertura
Antonio Claudio Lucas da Nóbrega – Reitor da UFF
Andrea Latge – Pró-Reitora de Pesquisa, Pós-graduação e Inovação.
Leonardo Guelman – Superintendente do Centro de Artes UFF
Leticia de Oliveira – Coordenadora do GT Mulheres na Ciência

14h30 – Exibição dos documentários Fator F e Potência N

15h30 – Debate com Lis Custódio -UERJ
Eugenia Zandona – UERJ
Claudia Lima – UFF  

Categorias: Centro de Artes UFF

BLITZ, O FILME

seg, 02/03/2020 - 15:20

Brasil, 2019, 90’, 12 anos
De Paulo Fontenelle

O documentário apresenta a história da banda de pop-rock brasileira Blitz, desde seu surgimento na lona do Circo Voador, entre Ipanema e Copacabana, até as turnês internacionais e o enorme sucesso ainda nos dias atuais. Revisitando fatos já conhecidos e trazendo à tona novas curiosidades sobre a banda e sua trajetória, o espectador também é apresentado aos hábitos, costumes, modas e ao rico cenário musical da década de 80.

Categorias: Centro de Artes UFF

ADONIRAN – MEU NOME É JOÃO RUBINATO

seg, 02/03/2020 - 15:18

Brasil, 2018, 92’, 12 anos
De Pedro Serrano

Adoniran Barbosa, autor de sucessos como “Trem das Onze” e “Saudosa Maloca”, carrega o título de maior sambista paulista de todos os tempos. A cidade de São Paulo era a personagem principal de suas canções e radionovelas. Através de imagens de arquivos raras e nunca vistas antes, o compositor e cantor paulistano, que faleceu em 1982, é redescoberto pelo público.

Categorias: Centro de Artes UFF

MEIO IRMÃO

seg, 02/03/2020 - 15:10

Brasil, 2018, 98’, 16 anos
De Eliane Coster
Com Natália Molina, Diego Avelino, Francisco Gomes

Sandra está procurando sua mãe, desaparecida há dias. Com o passar do tempo, a busca se torna mais difícil e ela decide procurar Jorge, seu meio-irmão, que vive e trabalha com o pai instalando sistemas de vigilância. No momento em que ela o encontra, ele está sendo ameaçado a não vazar um vídeo que fez em seu celular de um ataque homofóbico a um amigo, por quem ele se sente secretamente atraído. Prêmio do Público de Melhor Filme Brasileiro de Ficção e Prêmio da Crítica para Filme de Diretor Estreante na Mostra de São Paulo 2018.

Categorias: Centro de Artes UFF

INAUDITO

seg, 02/03/2020 - 15:06

Brasil, 2017, 88’, 10 anos
De Gregório Gananian

Documentário realizado com Lanny Gordin, guitarrista fundamental da Tropicália, que “eletrizou” Gal Costa, Gilberto Gil, Caetano Veloso e Jards Macalé, dentre outros. Lanny nos revela o seu processo libertário de composição e pensamento atual, embarcando em uma insólita odisseia pelo Brasil e pela China, seu país de nascimento. Melhor Filme na 21a Mostra de Tiradentes – Olhos Livres.

Categorias: Centro de Artes UFF

E ENTÃO NÓS DANÇAMOS

qui, 20/02/2020 - 17:47

And then we danced, Suécia/Geo/Fra, 2019, 110’, 14 anos
De Levan Akin
Com Levan Gelbakhiani, Bachi Valishvili, Ana Javakishvili

Merab é bailarino do National Georgian Ensemble desde a infância. No auge de sua carreira, Merab precisa lidar com a chegada do carismático Irakli, um talentoso dançarino que se torna seu principal rival e, também, seu amor secreto. Em um cenário conservador e hostil, Merab enfrenta um dilema que divide seu sonho e sua nova paixão. Q-Hugo de Ouro no Festival de Cinema de Chicago 2019, Prêmio do Público, do Júri e Melhor Ator no Festival de Cinema LGBT de Madrid 2019, Prêmio do Público no New York’s LGBT Film Festival e Melhor Ator nos festivais de Valladolid, Odessa, Sarajevo e Minsk.

Categorias: Centro de Artes UFF

O PARAÍSO DEVE SER AQUI

qui, 20/02/2020 - 17:40

It must be heaven, Qatar/Ale/Can/Tur, 2019, 97’, livre
De Elia Suleiman
Com Elia Suleiman, Gael García Bernal, Tarik Kopty

Elia Suleiman deixa a Palestina em busca de um novo lar, apenas para encontrar em todo lugar os mesmos problemas. A promessa de uma nova vida se transforma em uma comédia de erros e em situações inusitadas com a polícia, a modernidade e o preconceito. Por mais longe que ele vá, de Paris a Nova York, algo sempre o lembra de sua terra natal. Prêmio da Crítica Internacional e Menção Especial no Festival de Cannes 2019.

Categorias: Centro de Artes UFF

ANTOLOGIA DA CIDADE FANTASMA

qui, 20/02/2020 - 17:27

Répertoire des villes disparues, Canadá, 2019, 97’, 14 anos
De Denis Côté
Com Robert Naylor, Diane Lavallée, Rémi Goulet, Jocelyne Zucco

Simon Dubé morre em um acidente de carro em Irénée-les-Neiges, pequena cidade canadense, isolada, com uma população de 215 habitantes. Os moradores atordoados mostram-se relutantes em discutir as circunstâncias da tragédia. Daquele momento em diante, tanto para a família Dubé quanto para várias outras pessoas, o tempo parece perder todo o sentido e os dias se arrastam sem fim. Algo desce lentamente sobre a região. Nesse período de luto e nessa neblina, estranhos começam a aparecer. Quem são eles? O que está acontecendo? Prêmio da Crítica no Festival Internacional del Uruguay.

Categorias: Centro de Artes UFF

DE QUEM É O SUTIÃ?

seg, 17/02/2020 - 16:58

The bra, Alemanha/Azerbaijão, 2018, 90’, 12 anos
De Veit Helmer
Com Predrag ‘Miki’ Manojlovic , Denis Lavant , Paz Vega 

O maquinista de trem, Nurlan, está indo a Baku (Azerbaijão) pela última vez antes de se aposentar. Ao chegar na cidade, seu trem esbarra em um varal e derruba um soutien azul. Para escapar da sua existência solitária, Nurlan embarca em uma das jornadas mais aventureiras de sua vida: encontrar a dona de tal peça íntima. Ele aluga um quarto em Baku e começa a sua procura.

Categorias: Centro de Artes UFF

COM AMOR, VAN GOGH – O SONHO IMPOSSÍVEL

seg, 10/02/2020 - 19:23

Loving Vincent: the impossible dream, Polônia, 2019, 60′, 10 anos
De Miki Wecel

O documentário detalha minuciosamente a jornada que levou dois cineastas apaixonados a alcançar seu sonho impossível, criando Com Amor, Van Gogh, o primeiro longa-metragem totalmente pintado do mundo. Lançado no final de 2017, foi o filme mais visto no Cine Arte UFF em 2018.

Categorias: Centro de Artes UFF

CICATRIZES

seg, 10/02/2020 - 19:13

Šavovi, Sérvia, 2019, 97′, 12 anos
De Miroslav Terzic
Com Snezana Bogdanovic, Jovana Stojiljkovic, Vesna Trivalic

Inspirado em eventos reais e ambientado na contemporânea Belgrado, Cicatrizes conta a história de uma mulher que acredita firmemente que seu filho recém-nascido foi roubado dela há 18 anos, quando lhe disseram que ele tinha morrido. Com obsessão e perseverança, ela luta contra a polícia, a burocracia hospitalar e até contra sua própria família, a fim de descobrir a verdade. Indicado pela Sérvia à seleção do Oscar 2020.

Categorias: Centro de Artes UFF